12/07/2012

Democracia e Aristocracia


Não é por acaso que a "democracia" se opõe à "aristocracia" e que este último termo designa, precisamente, pelo menos em sentido etimológico, o poder da elite. Esta, por definição, não pode ser senão uma minoria e o seu poder, ou melhor, a sua autoridade, que deriva de uma superioridade intelectual e espiritual, não tem nada em comum com a força numérica sobre a qual se fundamenta a "democracia", nem com as forças irracionais do colectivismo, tendências cujo carácter essencial é o sacrifício da minoria à maioria, e também o da qualidade à quantidade, e da elite à massa.

René Guénon in «A Crise do Mundo Moderno».

Sem comentários: