22/03/2015

Heróis de ontem, vilões de hoje


Noutros tempos, todo o indivíduo que defendia o território do seu país, que por ele se batia e morria, era um patriota digno e merecedor do respeito e da admiração do inimigo leal e valente. Hoje, porém, as coisas modificaram-se e assim, na China, os chineses que se defendem são "bandidos", na Palestina os árabes são "terroristas" e os nacionalistas espanhóis são "facciosos".

José Gonçalves de Andrade in «O Legionário».

2 comentários:

Thor disse...

bem observado. e concordo também com a questão da Palestina, mesmo sabendo que os palestinianos não são santos.
mas no lugar deles, eu também me tornaria um 'terrorista'.

Reaccionário disse...

E o mais engraçado é que isto foi escrito em 1939...