07/10/2015

Portugal: quase mil anos de história


Não herdámos as canções do invasor,
herdámos a nossa voz para cantar a Pátria.
Não herdámos ouro para comprar a liberdade,
herdámos ferro para a defender!

Sangre Cavallum

1 comentário:

João disse...

E esperando que algum portugués tradicionalista se interesse pela comunhão com o Brasil também, que é tão alimentada pelos tradicionalistas de lá. Quase 200 anos de independência lá, ou seja, de abandono cívico-espiritual.