21/12/2012

Toada gótica


Seguem-te os alicornes mansamente,
Pastando neve na montanha azul...
Que a tua mão, Senhora, os apascente
Sem nada que os altere ou que os macule!

O céu, coalhado, tem um ar ausente
Que nem parece o dum país do Sul.
E os alicornes pastam mansamente
– E a neve brilha na montanha azul!

Ondeiam nos pauis fantasmas brancos.
Tal como um sonho que se apaga e esfuma,
Anda a bailar o Inverno nos barrancos.

E tu sorris, atrás dos alicornes...
Ó pastorinha de vitral e bruma,
Que sobre mim a tua graça entornes!

António Sardinha

4 comentários:

FireHead disse...

Em Portugal dificilmente se vê uma paisagem destas, excepto lá para os lados da Serra da Estrela, Penhas Douradas...

Amanhã parto para a santa terrinha, onde vou passar o Natal. :)

Um Santo e Feliz Natal!

Reaccionário disse...

Já vi nevar em Lisboa, mas de facto hoje em dia é raro nevar em Portugal, excepto nas terras altas (> 1000 m).

Um Santo Natal, para si e para os seus!

FireHead disse...

Também eu já vi nevar aqui em Alverca, mas foi, como se diz, "sol de pouca dura". :)

Reaccionário disse...

A propósito de neve em Lisboa, veja só esta preciosidade...

http://www.youtube.com/watch?v=xvqgn4RM844