20/06/2013

Cicuta


O Constitucionalismo nunca se casou com a Nacionalidade Portuguesa, porque foi sempre estrangeiro. Toda a obra que um povo realizar, fora do seu espírito, não vinga, é estéril e condenada a uma morte próxima.

Teixeira de Pascoais in «Saudade e o Saudosismo».

Sem comentários: